segunda-feira, 22 de junho de 2009

Para além da escrita…

No passado dia 20 de Junho dinamizei uma sessão de escrita criativa na Mó de Vida em Almada, no âmbito das Jornadas de Economia Solidária e Comércio Justo, através de um serviço requisitado pelo Banco Tempo.
A actividade foi bastante interessante, juntando pessoas de diferentes nacionalidades, desde a brasileira, francesa, espanhola e portuguesa.
Naquele curto espaço de tempo, que ainda demorou uma hora e meia, a palavra escrita imperou. Viveram-se momentos únicos e emotivos, pois através da escrita, da introspecção, da memória visual, olfactiva e auditiva, chegamos a mundos que muitas vezes desconhecemos que habitam em nós. Foi gratificante para mim ter proporcionado àquele grupo caminhos, desafios, motes, para partilharem as suas palavras e as suas memórias, ainda que por vezes emocionadas. Porque a memória, é na verdade uma caixinha de surpresas, assim que sugestionada ela pode ir até locais muito longínquos, pode revelar-nos verdades que julgávamos não existirem, pode fazer emergir sentimentos recalcados e interiorizados. E num instante, através dos desafios colocados pela escrita criativa, essas memórias tornam-se evidentes e vivas dentro de nós. Talvez por esse motivo, aconselho a todos aqueles que gostam de escrever ou simplesmente de divagar com o pensamento que experimentem fazer uma sessão de escrita criativa, pois além de ser uma actividade geralmente divertida, ao escrever podemos exorcizar fantasmas, medos, reviver momentos felizes, viajar a locais nunca visitados, percorrer continentes, conhecer novas personagens, sermos nós próprios ou quem quisermos inventar. Escrever, escrever, inventar, imaginar, criar… caminhos que nos levam para além do pensamento!

Sem comentários: