domingo, 14 de novembro de 2010

Dia dos Prodígios


«Ninguém se liberta de nada se não quiser libertar-se»



Foi levada à cena a peça «O Dia dos Prodígios», inspirado no romance de autoria de Lídia Jorge, publicado em 1979, no Teatro da Trindade, tendo sido hoje o último dia de exibição. Excelente interpretação dos actores, cenário fantástico e uma história que sendo simples nos relembra o Portugal rural e interior da serra algarvia nos anos 60/70. A peça foi encenada por Cucha Carvalheiro e teve no seu elenco actores como Carlos Paulo, Maria Emília Correia, Cristina Cavalinhos, Diogo Morgado, Filomena Cautela, Lucinda Loureiro, Luís Lucas e Teresa Faria, entre outros.

A acção passa-se na terra de Vilamaninhos no Algarve e relata-nos a aventura da aldeia no dia em que a aldeia vê uma serpente a voar... Desde aí, a aldeia nunca mais foi a mesma!

http://www.youtube.com/watch?v=QwNUdHFmiig

Sem comentários: