segunda-feira, 29 de outubro de 2007

30 de Outubro -Dia Nacional da Prevenção do Cancro da Mama


Assinala-se no dia 30 de Outubro um dia simbólico para chamar a atenção de um dos problemas mais nefastos que afectam sobretudo as mulheres, o cancro da mama.
Penso que a prevenção desempenha um papel fundamental para evitar que pequenas alterações no nosso corpo degenerem em malformações malignas que possam por a nossa vida em risco. E por vezes basta tão pouco para se evitar o pior. Desde o auto exame, que a própria mulher pode fazer mensalmente, até a uma consulta de rotina no médico de consulta geral ou mesmo na ginecologista.
Digo isto porque eu própria andei durante algum tempo muito preocupada com algo que fora detectado no meu peito direito, numa simples consulta de rotina na ginecologista. Foram meses complicados os que se sucederam, de angústia, de espera, de mamografias, ecografias, citologias, de caminhar para as consultas de Senologia no Hospital dos Capuchos com alguma regularidade e sem resultados concretos. Ninguém sabia dizer o que era aquilo, e entre os episódios anedóticos de longos tempos de espera dos resultados, porque os exames se extraviaram, o tempo ia passando. Nessas alturas, passam-nos tantas coisas pela cabeça, que começamos a fazer logo as piores conjecturas. É difícil pensar que chegou a nossa vez de viver um drama desses. Mas, felizmente, entre alguns atrasos, os resultados chegaram e o meu caso não foi nada de grave, apenas um encapsulamento normal, nada de alarmante, que convém apenas vigiar.Mas, o pior é que nem sempre o resultado é feliz e por isso, nós mulheres temos de estar atentas a qualquer sinal diferente no nosso corpo. Ao menor sinal de dúvida, não hesitem, consultem um médico, pois a prevenção é o fundamental e o acompanhamento e vigilância não deve ser negligenciado.
Segundo os dados estatísticos todos os dias surgem em Portugal dez novos casos de cancro da mama, e é o tipo de tumores que mais mulheres afecta, sendo a taxa de mortalidade de cerca de 1600 mortes por ano. Por isso, quanto mais cedo a doença for diagnosticada mais hipóteses há de cura. O facto das mulheres estarem mais conscientes deste perigo tem permitido a diminuição do número de mortes e a superação de um mal tantas vezes fatal.
Este dia rosa é assim de assinalar, sobretudo para que não nos esqueçamos que vale a pena viver!!

2 comentários:

Anónimo disse...

Olá amiga,

Tens razão...Mais vale prevenir do que remediar...

Beijos e boa semana de trabalho

Sandra

Anónimo disse...

No dia 30 de Outubro vamos todos vestir uma peça de roupa cor de rosa. Tenho agora 39 anos e aos 28 foi-me diagnosticado cancro da mama. Foi uma batalha dura para vencer ...mas venci!!