quarta-feira, 18 de julho de 2007

Por Cascais…

Deixo aqui a sugestão de um dia passado em Cascais, agora que o tempo começa a aquecer e há múltiplas propostas para desfrutar neste concelho.
No passado sábado foi o que fiz, apanhei o comboio logo cedo e rumei a Cascais. Além do sol e da praia, havia um outro propósito na minha deslocação, um passeio no Galeão do Sal, que a Câmara Municipal dispõe agora para passeios ao público. Fiquei a saber destes passeios através de uma notícia que vinha num daqueles jornais diários gratuitos que distribuem na cidade e desde logo me pareceu uma ideia interessante. Estes passeios decorrem todos os sábados e domingos, até 28 de Setembro, às 10h e às 11.30, possuindo por isso uma curta duração.

As inscrições são obrigatórias e limitadas e podem ser feitas pelo telefone 21 482 55 56/81 ou pelo e-mail cascais.activo@cm-cascais.pt

Foi na marina de Cascais que foi marcado o lugar de encontro para o passeio, aguardando-se a vinda do Galeão que se encontrava no mar, com um outro grupo. Quando chegou, atracou apenas por breves instantes, e antes mesmo de entrarmos na embarcação tivemos de colocar os coletes salva-vidas alaranjados, que nos davam um colorido contrastante e vivo, dentro do galeão. A receber-nos tivemos o senhor Carlos Saraiva da Costa, professor de Direito numa escola de Carcavelos, que durante alguns momentos transformou o galeão numa sala de aula, introduzindo algumas noções fundamentais na arte de marear, como são “estibordo”, bombordo”, e os ventos favoráveis para a navegação. Explicou que actualmente existem 15 Galeões de Sal em Portugal. Cada barco destes transportaria 60 kgs de sal e eram outrora utilizados no Sado para transporte de sal, sobretudo para os bacalhoeiros. No caso deste Galeão, com um nome extremamente curioso, «Estou para Ver», a sua construção, em Sesimbra, data de 1920 e teve como primeira missão, a pesca da sardinha. Há cerca de 6 anos, a Câmara Municipal de Cascais comprou o Galeão e tem a utilidade de ser um barco de espólio e actualmente também de recreio.
Soprava uma brisa amena e convidativa a andar à vela, porém, esta acabou por não ser içada, não só porque o passeio seria muito breve, mas também porque, como o explicara Carlos Saraiva da Costa, havia um problema no motor, que se agravaria se este fosse desligado para andar à bolina.
Passada uma hora e pouco, chegamos novamente à marina e dava-se por concluído o passeio. É certo que soube a pouco, mas foi uma experiência diferente de outras que já tivera em rio.

Já em terra e com um sol demasiado quente para ir até à praia, houve tempo para ir ao Centro Cultural de Cascais, que possui em exibição uma exposição muito interessante, intitulada «A História da Vela». Esta exposição surgiu da ocasião da realização do Campeonato Mundial de Vela em Cascais, e estará patente até dia 9 de Setembro. Através desta percorrem-se várias décadas da história desta prática desportiva no concelho de Cascais, sendo possível admirar fotos do início do século, do rei D. Carlos e da sua prole, em actividades ligadas ao mar. Devido às extraordinárias condições naturais da Baía de Cascais, desde cedo esta proporcionou a prática da vela, tendência que se reforçou a partir de 1870, altura em que a família real começou a passar temporadas neste aprazível lugar. As regatas intensificaram-se e ficaram conhecidas as embarcações da realeza Lia, Dinorah ou o Maris Stella.

Após uma caminhada e um repouso merecido pelo Parque Marechal Carmona, também em Cascais, um lugar excelente para fazer piqueniques em família e passar uns bons momentos com as crianças, o destino era mesmo a praia… Nada como um bom fim de tarde, sentindo o sol a perder a intensidade do seu calor, as ondas a baterem ritmadamente e o corpo a entregar-se às delícias do descanso…
Por fim, de caminho para o comboio ainda houve tempo para espreitar a Feira do Livro, que se encontra no jardim de Cascais até dia 29 de Julho, cuscar as novidades, as promoções e as pechinchas…
Não há dúvidas que em Cascais há muito a fazer, basta ter imaginação, pois são muitas as actividades sugeridas, desde as culturais, às desportivas, às ocupações para as crianças, entre muitas outras.

Consulte o site http://www.cm-cascais.pt/
e descubra o que pode aproveitar!
E já agora, aproveite! Saia de casa! O Verão espera por si…
Para quem se interesse por galeões, dê um salto a este site: http://www.imagine.pt/pv/barcos/15.htm

2 comentários:

Anónimo disse...

Bom dia,

Sempre em movimento...

Obrigada pela sugestão :-)

beijos grandes

Sandra

oasis dossonhos disse...

Olá Ana
Que bom teres este espaço!
Vou estar atento, ler-te e sempre que puder, comentarei.
SARAVÁ!!!
Beijinho
Luís